Empreendedorismo

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
pagamento-por-whats
23 de junho de 2020

O que pode mudar com nova ação de pagamentos pelo WhatsApp?


Na última semana, o WhatsApp lançou o serviço de pagamentos e transferência de dinheiro através do aplicativo, em parceria com a Cielo, a maior processadora brasileira de pagamentos. O Brasil é o primeiro país em que a empresa libera este tipo de transação financeira.

Em entrevista ao Valor Econômico, o diretor de operações do WhatsApp Matt Idema indica que este serviço irá ajudar as pessoas e os pequenos e médios negócios, principalmente neste período de pandemia do coronavírus, sendo uma alternativa mais segura e conveniente do que o dinheiro. Como muitas empresas já utilizam o aplicativo de mensagens para entrar em contato com o cliente, trocar informações e negociar a compra, agora será possível finalizar o processo de vendas no próprio WhatsApp.

O mercado de tecnologia e o mercado financeiro já esperava este passo do WhatsApp, visto que o aplicativo de mensagem chinês WeChat se tornou uma das maiores plataformas de pagamento móvel na China. Porém, no último dia 23, o Banco Central suspendeu o funcionamento do serviço no Brasil, alegando a necessidade manter um ambiente competitivo e assegurar o funcionamento de um sistema de pagamento interoperável, rápido, seguro, transparente e aberto.

A grande mudança que esta novidade traria para o empresário, principalmente aqueles que trabalham com a venda de produtos, é a possibilidade de ter em mãos um aplicativo que ajude as pequenas e médias empresas a reencontrarem o caminho das vendas, principalmente em meio à crise do coronavírus. O WhatsApp é uma das principais ferramentas de comunicação no Brasil, estando presente em 99% dos celulares no brasil, de acordo com a pesquisa da Panorama Mobile Time/Opinion Box.

Com isso, não seria necessário uma campanha de adoção do aplicativo nem a necessidade download de outro aplicativo de pagamento, bastando apenas o cadastro para utilizar o novo meio de pagamento. Com 76% dos usuários do WhatsApp se comunicando com marcas através do aplicativo de mensagens, ainda segundo a pesquisa, é hora das pequenas e médias empresas pensarem em estratégias para converterem as vendas.

Compartilhe:


Deixe seu comentário