Marketing Digital

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
como-funciona-marketing-digital
4 de agosto de 2020

Como funciona realmente o marketing digital?


No começo da internet, as páginas eram super simples e praticamente não existiam canais de interação entre empresas e clientes. A comunicação era unilateral e havia pouca diferença entre o marketing tradicional e o digital, pois ambos consistiam em apenas promover uma marca, sendo a internet o canal utilizado pelo marketing digital.

Foi apenas a partir dos anos 2000, com a popularização da internet e o aumento de usuários, que o marketing digital tomou a forma que conhecemos e revolucionou a forma como as pessoas e as empresas se comunicam. Afinal, o crescimento no número de usuários fez com que as empresas investissem cada vez mais no setor, provocando grandes evoluções tecnológicas e técnicas.

O conceito de marketing digital pode parecer muito claro, porém, ao mesmo tempo, é muito subjetivo, afinal é um conceito muito amplo e abrangente. Se você quer se preparar para o crescimento do marketing digital, confira este conteúdo completo com os principais benefícios, estratégias e como tirar aproveitar o máximo!

O que é marketing digital?

O Marketing nasceu do fato de existirem necessidades e desejos a serem atendidos, se baseando em uma troca entre o consumidor e as empresas. Mas a forma como tudo isso é feito é que está mudando, e o digital muito tem a ver com isso.

Relembrando uns tantos anos atrás, podemos perceber o consumidor tendo as suas necessidades encaixotadas, podendo escolher qualquer cor de carro, desde que fosse preta. Pode parecer piada, mas não é! Esta é uma celebre frase de Henry Ford para demonstrar a fase em que o marketing se baseava apenas no produto e não na necessidade de quem o consumiria.

Este tempo ficou para traz e hoje o consumidor tem poder. Muito deste  poder veio através da internet, que inclusive é reconhecida pelo pai do Marketing, Philip Kotler, como a era da Horizontalização do Poder, onde as barreiras de distância não mais existem e, teoricamente, o mercado fica mais democrático. Dizemos “teoricamente” por existirem diferentes contextos, verbas, volumes, públicos etc.

Foi então, a partir da percepção deste poder, que o marketing digital colocou as suas asinhas de fora e hoje desenvolve seu voo lindamente, entendendo que as fronteiras podem ser quebradas com base em inteligência de mercado e da estratégia  e que a forma de contato com o público no meio digital se tornou mais barata, mais rápida e, muitas vezes, mais efetiva.

Vantagens das estratégias digitais

Embora a distância física no ambiente digital pareça realmente uma distância, vivemos na era dos dados, os quais, cruzados e analisados, se transformam em informações profundas e que dificilmente seriam retratadas de forma tão fiel por meio das pesquisas convencionais, com papel e caneta. Ou, quem sabe, até seriam, mas não na velocidade em que o digital permite e nem mesmo na escala proporcionada por ele.

Alguns dos pontos positivos relacionados ao Marketing Digital que podemos ressaltar são:

– A velocidade, tanto da execução de projetos quanto da mensuração de retorno sob cada centavo investido;

– O custo. Por ser mais diretivo e sendo entregue ao público exato, tem um investimento definitivamente muito mais barato quando se compara aos grandes veículos de entrega de mídia.

– A pessoalidade, visto que já não falamos mais com pessoas do sexo feminino, de 18 a 45 anos que assistem a novela XYZ. Falamos com a Joana da Silva, mãe de dois filhos, que pratica exercícios físicos regularmente, atua no ramo agrícola e por aí vai.

O digital consegue entregar conversas a indivíduos de acordo com o seu comportamento, tornando a conversa muito mais pessoal e direta.

Estratégias de marketing digital

O gigantesco poder de processamento que a internet trouxe apresentou um universo de possibilidades. Basta observar o volume e a qualidade de conteúdos disponíveis hoje, grande parte de maneira gratuita para o público.

E se a internet possui infinitas possibilidades, como tomar a decisão correta para alcançar os objetivos de marketing? Independente de qual estratégia escolhida, ela se torna efetiva quando gera uma participação significativa na geração de tráfego para o seu domínio e se torna um canal de comunicação entre a marca e os clientes.

As principais estratégias são:

Inbound marketing: o objetivo desta estratégia é ser encontrado pelas pessoas, sendo um marketing de atração. No Inbound, as empresas buscam atender as dores e necessidades dos consumidores para, então, estabelecer um canal de comunicação com eles, com o objetivo de oferecer uma solução para os problemas.

Marketing de conteúdo: tem como objetivo posicionar a marca no lugar e no momento certo na jornada de compra para oferecer a melhor solução. Ou seja, o marketing de conteúdo envolve a publicação de materiais e informações relevantes para atrair e converter a audiência.

Email marketing: de um modo geral, é o processo de envio de mensagens para o grupo de contatos com fim comercial. Ele pode ser um método de fortalecimento da marca, de vendas, de comunicação com o cliente e com potenciais clientes. O canal de mensagens direto com o público é uma ferramenta poderosa e que, com o planejamento correto, pode trazer resultados muito efetivos.

SEO: a otimização para mecanismos de buscas permite que a sua marca seja encontrada sem a necessidade de pagar por anúncios, através de resultados orgânicos. Os motores de buscas têm como objetivo oferecer os melhores resultados e experiências ao usuário, e com as técnicas certas é possível promover melhores experiências e, assim, melhorar sua posição nos rankings.

Métricas do marketing digital

Uma das principais vantagens do marketing digital é a possibilidade de ser mensurável, o que permite a avaliação constante das estratégias e a tomada de decisões baseadas em dados. Quando bem utilizadas, as métricas são uma “mina de ouro”, afinal mostram onde estão os erros, quais as direções para corrigir os rumos e também revelam novas oportunidades de negócios.

É impossível obter resultados cada vez melhores se não souber o que precisa ser melhorado na estratégia, mas, para isso, é fundamental definir os parâmetros que serão utilizados, de acordo com os que mais se adequam ao planejamento. As principais métricas do marketing digital são:

– Retorno sobre investimento (ROI). Além de conhecer o retorno gerado pela ação, ele indica quando o investimento pode ser escalado.

– Custo por aquisição do cliente (CAC). Indica quando a empresa gasta para conquistar um novo consumidor.

– Ticket médio. Aponta o valor que cada cliente gasta, em média, nos serviços ou produtos da empresa.

– Valor do tempo de vida do cliente (LTV). Indica o potencial de lucro que cada consumidor gera, apresentando uma previsibilidade de rendimentos.

– Taxa de cliques (CTR). Indica quantas pessoas clicaram em um anúncio, permitindo o aprimoramento da campanha.

– Custo por clique (CPC). Releva quanto esta sendo investido para que cada pessoa chegue até uma determinada página do seu site, indicando quais versões dos anúncios apresentam a melhor performance.

– Taxa de conversão. A porcentagem resultante entre o número de visitas e o número de conversões realizadas.

 

Ferramentas para marketing digital

As ferramentas de marketing digital diferenciam o trabalho, pois ajudam a administrar e mensurar os resultados em todos os canais. Com as ferramentas certas, é possível filtrar informações, entender o desenvolvimento das estratégias, gerar relatórios, acompanhar números, entre outras ações.

O ideal é conhecer as ferramentas disponíveis e descobrir quais são as melhores para você e a sua empresa. As ferramentas podem ser divididas em grupos:

Ferramentas de SEO:

–  Busca de palavras-chave: Ahrefs e Ubersuggest.

–  SEO técnico: Google XML Sitemap e Screaming Frog.

–  Backlinks: Google Search Console e Ahrefs.

Ferramentas de Análise:

– Análise de métricas: Google Analytics e Kissmetrics.

– Análise de concorrência: BuzzSumo.

Ferramentas de Design:

– Imagens: Canva e Photoshop.

– Vídeos: Adobe Premiere e After Effects.

Ferramentas de CRO:

– SumoMe e Hotjar.

Ferramentas de Automação:

– RD Station.

Ferramentas de Relacionamento Interno:

– Slack e Zendesk.

Ferramentas de redes sociais:

– Etus e mLabs.

Ferramentas de gestão de projetos:

– Asana e Trello.

 

Como trabalha profissional de marketing digital?

Se você deseja entrar no meio do Marketing Digital, pode trabalhar dentro de uma empresa, com consultoria, em agência, entre outros. São diversas as vertentes dentro do próprio ramo em que se pode atuar, trabalhando com redação, social media, performance, marketing de conteúdo, planejamento.

O profissional de Marketing Digital tem que entender pessoas, amar resultados, transformar dados em realidade e estar em constante aprendizado.

Compartilhe:


Deixe seu comentário