Profissão

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
habilidades para o futuro
25 de maio de 2020

3 skills do profissional do futuro


Segundo estimativa do relatório The Future of Jobs, publicado em 2016 pelo Fórum Econômico Mundial, 65% das crianças que ingressaram na escola na época acabarão trabalhando em empregos completamente novos e que não existem ainda. Novas empresas nascem constantemente, motivadas principalmente pela velocidade das inovações na nossa sociedade.

Especialistas apontam que estamos ingressando em uma era em que a junção de tecnologias físicas, digitais e biológicas vai modificar a forma como trabalhamos. Uma das estimativas da Reunião Anual de 2020 do Fórum Econômico Mundial é que mais da metade das tarefas dos locais de trabalho serão executadas por máquinas nos próximos 5 anos.

À medida em que a mudança tecnológica acontece, fica evidente a necessidade de antecipar e se preparar para as habilidades que serão desejadas no futuro. Se você está planejando a sua carreira profissional, é fundamental conhecer e começar a desenvolver as 3 principais habilidades apontadas pela ONU como indispensáveis ao profissional do futuro.

  1. Flexibilidade cognitiva

Essa capacidade diz respeito à habilidade de enxergar novos padrões e criar associações únicas entre as ideias. Os profissionais do futuro deverão ampliar os modos de pensar para imaginar soluções diferentes para os problemas que surgirem no cotidiano. 

Desenvolver a flexibilidade cognitiva requer relacionamentos com pessoas que desafiam a visão de mundo, a expansão dos interesses pessoais e profissionais e a fuga da zona de conforto.

  1. Negociação

Com grande parte das funções automatizadas e desenvolvidas por máquinas, as habilidades sociais e interpessoais serão mais importantes do que nunca. A capacidade de fazer negociações no dia a dia com clientes, colegas de trabalho, gestores e até mesmo com grandes equipes será fundamental para o sucesso profissional no futuro.

  1. Inteligência emocional

Essa habilidade pode ser resumida como a capacidade de reconhecer e avaliar os próprios sentimentos e os dos outros, para gerir as emoções dentro de nós. Ela envolve o reconhecimento e avaliação das próprias emoções e também das emoções das outras pessoas, estabelecendo empatia para administrar os sentimentos e alcançar os resultados desejados.

Ainda não é possível prever quais carreiras irão surgir e quais serão totalmente reformuladas no futuro, mas é fundamental começar a se preparar para as mudanças que as empresas esperam encontrar nos profissionais do futuro.

Compartilhe:


Deixe seu comentário