Aperfeiçoamento Profissional

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
shutterstock_1043987698
11 de setembro de 2018

PechaKucha: conheça a técnica japonesa de apresentação


O formato promete apresentações objetivas, concisas e cativantes

 

A ideia pode ser ótima, o produto pode ser revolucionário, a história pode ser inacreditável, mas se a apresentação for chata, ninguém vai prestar atenção. Então que tal investir em um formato bem dinâmico? PechaKucha é uma técnica japonesa de apresentação rápida e que vai direto ao ponto.

Funciona assim: 20 slides com imagens ou vídeos, 20 segundos para apresentar cada um, com duração total de 6 minutos e 40 segundos. Os slides são cronometrados e passados automaticamente, então não tem como voltar ou parar.

A vantagem da técnica é incentivar uma narrativa concisa e objetiva, sem excessos e enrolação. Qualquer assunto pode virar tema: uma viagem, projeto artístico, ideia de produto, experiências profissionais ou pessoais, entre outros. Além disso, o PechaKucha pode ser usado em várias situações, desde atividade na faculdade até apresentação no trabalho.

 

Como surgiu?

O PechaKucha foi inventado no Japão por um casal de arquitetos. A italiana Astrid Klein e o inglês Mark Dythan têm um escritório de arquitetura em Tóquio, o Klein Dytham Architecture. De acordo com a dupla, “arquitetos falam demais. Dê um microfone e algumas imagens a um arquiteto — ou a qualquer pessoa criativa — e eles não pararão mais de falar”. Por isso elaboraram um formato que combina imagens e uma narrativa ágil.

Em 2003, Astrid e Mark organizaram a PechaKucha Night para divulgar um bar em Tóquio chamado SuperDeluxe. A ideia era ser um evento único, mas fez tanto sucesso que foi sendo repetido e hoje, 15 anos depois, mais de mil cidades ao redor do mundo organizam suas versões da PechaKucha Night. As reuniões são informais, divertidas, abertas para quem quiser participar e geralmente acontecem em lugares descontraídos, como bares e restaurante.

O que você achou do formato? Experimente usar o PechaKucha na próxima vez que for fazer uma apresentação.

Compartilhe:


Deixe seu comentário