Design de Interiores

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
design-de-interiores
10 de janeiro de 2019

Hey, Designer de Interiores! Vamos falar sobre marketing profissional?


Você que é ou pretende entrar na área de Design de Interiores sabe como ninguém a importância da estética e funcionalidade em seus trabalhos. Na hora de vender seu serviço ao mercado, está utilizando esse mesmo conceito? Se não, vale muito a pena dedicar atenção a isso na hora de ofertar seu peixe.

Os mesmos fundamentos estéticos que você utiliza na área de interiores são adaptáveis ao seu marketing profissional. Para que fique mais claro, vamos dar um exemplo: quantas vezes você se pegou em dúvida sobre o que pedir no app de deliverye as opções que pareceram mais apetitosas foram as eleitas. Pode ser que as outras , similares ao seu pedido, fossem melhores, mas a que te chamou mais atenção foi a que apresentou o prato se preocupando com a estética, mostrando mais informações sobre ingredientes e etc.

É exatamente assim na hora de cuidar do seu marketing profissional, você deve cativar seu cliente pelo seu trabalho acima de tudo, mas é primordial que você saiba mostrar como você é bom no que faz.

Dicas preciosas para você desenvolver seu marketing profissional

notes-sticky-notes-sunlight-1629212

Todo começo é difícil, não é mesmo? Até o mercado começar a te reconhecer pelo seu trabalho, você deve apresentar seus projetos da forma mais profissional possível para passar credibilidade e confiança ao cliente. Sendo assim, vale a pena você conferir essas dicas rápidas que podem fazer seu target te ver com outros olhos.

Antes de mais nada, é primordial que você possua logo, cartão de visitas e páginas profissionais nas redes sociais. O simples fato de você possuir isso, já fará com que seus clientes e o mercado te vejam de forma mais profissional.

Mas isso deve ser feito por quem entende e, caso você não tenha noções gráficas e de social media para tal, procure quem presta esse serviço de foma profissional. As agências possuem demanda com estrutura e profissionais e isso acaba tornando seu serviço mais valorizado. Porém existem profissionais que atuam de forma autônoma e isso pode tornar o investimento mais acessível. Em último caso, existem ferramentas como o site www.canva.com que podem auxiliar você no começo.

Além disso, conhecer seu público também é muito importante. Assim você saberá o melhor tom da linguagem escrita e estética que você empregará em suas comunicações.

O cuidado com as redes sociais é outro ponto que merece atenção para que você se torne uma referência na área. Atualmente, uma enorme parcela da população está nessas plataformas, é sua obrigação estar lá e apresentar os serviços que você presta de forma bonita e bem estruturada.

Redes profissionais não devem possuir conteúdo de ordem pessoal, lembre-se que seu cliente quer contratar você para fazer um serviço que ele espera uma resolução rápida, não quer ver sua linda viagem ao exterior – a não ser que seja uma viagem a trabalho -. Caso o curso que você fez não te deu esse preparo, procure se informar como funciona uma gestão efetiva de social media. Saiba sobre adaptação de linguagem, as tendências de postagens, os assuntos em voga, as métricas e ferramentas utilizadas para patrocínio no ambiente on-line.

Tenha empatia pelo seu cliente

black-and-white-black-and-white-fingers-804416

Na hora de vender seu serviço, acima de tudo, você deve se colocar no lugar de quem você entregará essa comunicação. ao fotografar um ambiente projetado por você, você por exemplo, escolha o melhor ângulo, saiba qual tipo de luz vai valorizar o que você considera mais importante naquele espaço, tome cuidado com fios aparecendo. Produza um conteúdo com base em perfis que você tenha como referência na área. Isso ajuda a dar um norte no inicio da sua carreira.

Em sua comunicação, apresente e comente sobre soluções. Quando alguém procurar seu serviço, estará buscando a resolução de um problema que possua. Você mostrar isso, através de cases atendidos por você, faz toda a diferença para que ele escolha você e não outro profissional da área.

Com certeza, os pontos apresentados nesse texto são pequenos cuidados que irão valorizar seu trabalho e evidenciarão tudo que você faz de bom, dando um toque ainda mais profissional aos seus projetos.

Contudo, existem formações em Design de Interiores que já se preocupam em repassar esse tipo de cuidado para seus alunos. Caso não seja o casa da que você estuda ou pretende estudar, procure se informar mais sobre isso, tome iniciativa e faça com que o mercado te conheça.

 

 

 

 

 

 

Compartilhe:


Deixe seu comentário