Consultoria de Imagem

Compartilhe

0
Shares
0 0 0 0
unnamed
20 de março de 2017

Da advocacia para a consultoria de imagem: Uma história de transformação


Após curso, ex-aluno do Centro Europeu inicia carreira de consultor de estilo masculino

Resgatar a própria essência e, com ela, paixões, sonhos e temores é um exercício contínuo de autoconhecimento muitas vezes ignorado em detrimento da agitação a rotina. Nesse movimento inconsciente, é comum que muita gente se surpreenda ao perceber o quanto se afastou daquilo que é, gostaria de ser ou mesmo de fazer. Em contrapartida, há quem consiga revisitar o passado e imprimir um novo significado à vida.

 

Esse tom de transformação acompanhou os passos de Marcelo Magna no último ano. Fascinado pelo universo da moda masculina desde muito jovem, ele decidiu apostar na mudança de carreira com o curso de consultoria de imagem do Centro Europeu. A bagagem de mais de uma década no direito imobiliário – herança do pai e fruto da busca por se afastar dos números –  não enfraqueceu a aposta no sonho antigo.

 

“Sempre gostei de me vestir bem, com estilo e elegância. Acho que isso veio um pouco da minha mãe, que foi uma costureira de mão cheia, muito habilidosa e ligada em moda. A decisão pelo curso foi uma consequência desse mix e do desejo de ajudar as pessoas a se vestirem de maneira adequada a cada ocasião”, conta. Além de proporcionar um conhecimento aprofundado em uma área que sempre teve interesse, a empreitada de Marcelo deu a ele um entendimento mais crítico da própria imagem.

 

“A alta qualidade do curso e a grande capacitação dos professores contribuíram muito para o meu aprendizado. Hoje sou muito mais confiante para me vestir, não tenho receio algum de criar meu próprio look conforme o meu estilo, sem medo de ser feliz. A grande descoberta do curso foi aprender que cada um de nós tem o próprio estilo, de acordo com a atitude e personalidade, e, por isso, a consultoria de imagem é totalmente individualizada”, compara.

 

Hoje, Marcelo atua como consultor de imagem de estilo masculino e tem o anseio de criar a própria marca de acessórios para esse público. “Embora esteja engatinhando, a profissão de consultor de imagem ainda é muito carente de profissionais, principalmente no segmento masculino. Por outro lado, os homens estão cada vez mais vaidosos, preocupados com a estética e aparência. Então, temos aí um grande nicho a ser desbravado”, analisa.

Compartilhe:


Deixe seu comentário